CASOS COMPLEXOS - ADOLESCENTES, ADULTOS
TRATAMENTO PERSONALIZADO - DA INTERNAÇÃO A RECUPERAÇÃO
CONTATO: (11) 3062-9516 - (11) 3062-2485 - (11) 5084-3041 - E-mail: alamedas@clinicalamedas.com.br
Médico Resp. Dr. Ronaldo Laranjeira - CRM - 44.625
VOLTAR
Coordenadoras do Alamedas marcaram presença no Evento da SPDM

 "Violência contra crianças e abuso de drogas",realizado do dia 07/05/2014 às 10h com coordenação do Prof. Dr. Ronaldo Laranjeira.

 

Dependência Química X Violência na Infância e Adolescência 

Um em cada cinco brasileiros já sofreu agressão física dos pais ou cuidadores durante a infância, segundo dados do 2° Levantamento Nacional de Álcool e Drogas (Lenad II), realizado por pesquisadores da Unifesp.

Os pesquisadores entrevistaram 4.607 pessoas em 149 municípios brasileiros.

Essa etapa da pesquisa teve como objetivo analisar a relação da violência sofrida na infância com o desenvolvimento de dependência química na fase adulta.

De acordo com os pesquisadores, o levantamento mostrou que enquanto na população geral, 21% dizem ter sido agredidos quando crianças, entre os usuários de cocaína esse número sobe para 52% dos entrevistados; já entre os usuários de maconha, o número fica entre 47,5% dos entrevistados.

"Sabemos que sofrer estresse precoce afeta as mesmas áreas do cérebro relacionadas com o desenvolvimento de dependência química, portanto, ser agredido é um fator de risco para o uso de drogas", diz Clarice Madruga, pesquisadora da Unifesp e uma das coordenadoras do estudo.

O Lenad mostrou ainda que 5% dos brasileiros relataram já ter sofrido abuso sexual na infância ou adolescência. Na maioria dos casos (58%), o autor do abuso era parente ou amigo da família.

Um em cada 10 adultos dependentes químicos sofreu violência quando pequeno. Quando se trata de cocaína, o número passa da metade.

12,2% dos adultos e 8,2% dos adolescentes afirmam  que na infância sofreram agressões de seus pais e/ou responsáveis até lhes deixar marcas alguma vez.

9,6 % dos adultos e 6,5% dos adolescentes disseram que algumas vezes seus pais e/ou responsáveis os insultaram ou humilharam publicamente. 1,1% dos adultos disseram que isso ocorria muito frequentemente em sua infância.

Entre os usuários de maconha (uso no último ano), 50% dos homens e 29% das mulheres afirmam  ter tido pelo menos um evento violento na infância.

Entre os usuários de cocaína (uso no último ano), 55% dos homens e 37% das mulheres afirmam  ter tido pelo menos um evento violento na infância.

Entretanto, crianças agredidas têm quase três vezes mais chances de se tornarem dependentes químicas na fase adulta devido ao fato de esses fatores estressores  tornarem a vítima neurologicamente mais vulnerável ao uso de substâncias psicoativas, somado à oferta da droga e à falta de amparo social.

 
Links Sugeridos

Entre em Contato

Email alamedas@clinicalamedas.com.br

Fones
(11) 3062.9516
(11) 3062.2485
(11) 5084.3041

Nossa Localização

Endereço
Alameda Canuri, 97 - Planalto Paulista
São Paulo - SP - CEP 04061-030

Mapa de Localização

Alamedas DayClinic
HospDia
Atendimento
Individualizado
Serviços
Disponibilizados
Profissionais Psiquiatras Canal Exclusivo
Estrutura de Apoio
Psicólogos Canal Exclusivo
Estrutura de Apoio
Nosso Espaço Orientação
Familiar